domingo, 28 de março de 2010

A mulher adúltera


Texto: Jo 8:1-11

Nesta passagem da mulher adúltera, podemos aprender algumas lições de vida.

Vamos refletir sobre três pontos importantes dessa passagem?

A ATITUDE DA SOCIEDADE: A mulher foi trazida por um grupo de religiosos enfurecidos, e acompanhados por uma sociedade medíocre, insensível, preconceituosa e esmagadora. Será que hoje é diferente? Não, não é! Vivemos no meio de uma sociedade influenciada pela modernização e pela mídia. Sociedade que está sempre disposta a apontar nossos erros, a nos desmotivar. Fica torcendo pra o circo pegar fogo, e se diverte às custas das desgraças dos outro. Aquelas pessoas que estavam ao redor do mestre simplesmente pararam para ver o espetáculo acontecer. Muitos gritando por justiça, outros chocados diante daquela cena. Mas, a grande maioria não tecia nenhum tipo de sentimento de compaixão por aquela mulher. Assim é também nos dias de hoje. Pessoas cruéis, desumanas, fracas, fofoqueiras, julgadoras, maliciosas, incompreensivas, caluniadoras, baixas, corruptas, que nos aplaudem na frente e quando damos as costas atiram pedras, pessoas falsas. Essa atitude negativa da sociedade tem destruído a vida de muitos seres humanos. Tem levado muitos ao fim do poço, tem arrastado vidas pra uma intensa e destruidora depressão.

A MULHER: Ela era pecadora mesmo, tinha falhado, não era inocente, nem foi ao encontro de Jesus por livre e espontânea vontade. Estava assustada, nervosa, envergonhada, num estado totalmente lamentável. Quantas pessoas hoje não se identificam com a situação daquela mulher? Talvez você nunca tenha sido pego no adultério, mas de alguma forma foi atacado pela sociedade por causa de um pecado, de um deslize, de um erro. Muitas pessoas estão tento a mesma atitude daquela mulher, ou seja, mergulhada num lamaçal de pecados e distantes da presença de Jesus. Mas saiba de uma coisa, foi justamente o pecado que levou aquela mulher a ter um encontro real, transformador com Jesus.

JESUS: Sua atitude foi magnífica, amorosa, cheia de compaixão, perfeita, e não poderia ser diferente, pois partiu de um Deus perfeito. Ele é o nosso exemplo de vida, suas palavras mudaram o rumo da história, do espetáculo. Vamos relembrar?

1- Quem não tiver pecado, atire a primeira pedra! Essas palavras soaram como um júri na consciência daquelas pessoas. A palavra de Deus sempre nos leva ao arrependimento, nos impulsiona a fazermos grandes reflexões, nos transporta para dentro de nós mesmos, e nos incita a tomarmos decisões.

2- Onde estão os teus acusadores? Nem eu te condeno! Suas palavras também são consoladoras, confortadoras, libertadoras. Ele não foi conivente com o pecado daquela mulher, mas derramou seu perdão sobre sua vida.

3- Vá e não peques mais! Agora Ele da uma instrução sobre o que ela deveria fazer dali pra frente.

Ninguém nunca demonstrou tanto amor por nós como Jesus. Aquele encontro mudou completamente a vida daquela mulher. Você também pode ter sua vida transformada se por livre e espontânea vontade vir ao encontro de Jesus e aceitá-lo como seu Salvador, Senhor e Libertador. Deus te abençoe!

Um comentário:

  1. OLÁ MISSIONÁRIA AQUI ESTÁ O NOSSO LINK, NOS SIGA OK. http://ibaembuscadasantidade.blogspot.com/

    ResponderExcluir